euronews focus – Serão as mulheres a solução para a crise?

pt.euronews.com Cerca de mil participantes de todo o mundo reuniram-se em Deauville, no Norte de França, para a 8ª edição do Fórum de Mulheres, também conhecido como o “Davos das Mulheres”. Ao longo de três dias diretores de empresas, políticos e académicos discutiram caminhos para sair da crise e regressar ao crescimento económico ea primeira questão que muitos colocam é: Como vai ser 2013? Daniel Cohen, economista: “Julgo que podemos dizer, com poucas possibilidades de estarmos errados, que 2013 será, seguramente, o pior ano desta nova série após o eclodir da crise europeia. Não será tão mau como em 2008/2009 depois da falência da Lehman (Brothers), mas vamos certamente viver um ano mau porque – apesar das boas intenções do Banco Central Europeu e do apoio que irá, sem dúvida, dar à Espanha nas próximas semanas – a purga orçamental vai continuar e, sem dúvida, atingir um pico. 2013 vai ser o ano de todos os apertos”. Um dos exemplos dados foi o das empresas que reforçaram o processo de globalização, indo para mercados em expansão mesmo com os mercados tradicionais em crise. A Publicis é o 3º maior grupo de comunicação do mundo. Jean-Yves Naouri, diretor de operações da Publicis: “No conjunto, verificamos que nos mercados ditos maduros – atingidos pela crise, a redução dos défices públicos, a gestão da dívida – há atitudes de precaução de muitos agentes económicos. Nos mercados emergentes continuamos a ter crescimento, mesmo que a um ritmo menor. A estratégia da Publicis
Video Rating: 0 / 5